Posts recentes

11 maneiras de viver uma vida mais feliz, de acordo com um psicólogo (Dica: Estas não têm nada a ver com o dinheiro!)

happienss-719x483 (Cópia)

 

A felicidade é algo que todos nos esforçamos para ter, no entanto, muitos não conseguem compreender e até mesmo mantê-la. Especialmente nesses momentos de dificuldade económica, onde a felicidade parece estar escondida por detrás do salário da próxima semana, de um novo emprego, ou de um improvável aumento salarial. No entanto, como afirmou recentemente o Dr. Robert Putnam da Universidade de Harvard, “O dinheiro pode comprar a felicidade, mas não muita.” (1) Parece que a felicidade tem menos a ver com o dinheiro do que poderíamos imaginar e, muito mais a ver com as pessoas que nos rodeiam, como vivemos as nossas vidas, a forma como usamos o nosso tempo e, como vemos e entendemos as nossas experiências de vida.

Com base na mais recente pesquisa em psicologia e da minha experiência tanto como um psicólogo tentando entender a felicidade e, como um ser humano em busca da minha própria felicidade, aqui estão 11 maneiras de viver uma vida mais feliz … que nada têm a ver com o dinheiro!

    1) Pratique a Gratidão

Não importa onde ou o que estiverem a fazer, as pessoas felizes sabem que sempre têm algo para o qual ser grato. A pesquisa no campo da Psicologia Positiva tem mostrado que as pessoas que praticam gratidão são mais felizes, menos stressadas ​​e menos deprimidas! (2) As pessoas felizes podem facilmente encontrar gratidão no mundo que as rodeia, se estiverem a olhar para as rachaduras no alfalto na selva de betão ou no pôr do sol sob o oceano. É possível encontrar gratidão mesmo nas coisas mais pequenas, como numa deliciosa refeição, num bom livro, numa aula de Yoga exigente, ou no sorriso de um estranho na rua.

Cada um de nós tem a escolha de decidir onde pôr a sua atenção. Escolher concentrar-se na gratidão pela beleza e singularidade da vida e não no stress e nos problemas, farão com que te sintas mais feliz e mais relaxado.

    2) Encontre um Lugar de Fluxo

Na psicologia positiva, o conceito de “Fluxo” é definido como a “imersão completa em actividades que visam o nosso próprio bem”. (3) Quando estamos no fluxo, como por exemplo quando estamos numa corrida, a compor uma música, ou a ler um bom livro, a nossa auto-consciência dissipa-se, parece que o tempo para e, nos concentramos, nos tornamos calmos e atentos na tarefa que estamos a executar. As pessoas que experimentam frequentemente o fluxo tendem a ser felizes, produtivas, criativas e focadas.

Podes alcançar um estado de fluxo, dando especial atenção aos trabalhos que consideras intrinsecamente gratificante e agradável. Em outras palavras, dedique algum tempo para fazer o que você AMA! Para obter mais informações sobre como encontrar o teu fluxo, leia o livro do Dr. Mikhal Csíkszentmihályi, Finding Flow.(4)

    3) Sorria Mais

Se estiveres deprimido ou tendo um dia difícil, é possível alegrar-se simplesmente pensando numa pessoa, lugar ou situação que te faz sorrir! De fato, as pesquisas em psicologia tem mostrado que o ato físico de sorrir fará com que te sintas mais feliz, mesmo se estiveres apenas flectindo os músculos da boca e não rindo de forma intencional! (5)

Embora os cientistas ainda desconhecem, as razões pela qual o simples acto de sorrir faz-nos sentir mais felizes, porém tem sido sugerido que o acto de sorrir contrata os músculos faciais, levando mais fluxo sanguíneo para os lobos frontais do cérebro, que por sua vez provoca a libertação da dopamina, uma substância química produzida pelo cérebro quando se sente prazer. (6) portanto solteumas gargalhadas e continue a rir (ou talvez deixe alguém fazer-te um pouco de cócegas)!

    4) Aceite Os Teus Erros

Todos nós somos perfeitamente imperfeitos nesta forma humana e é natural que cometemos erros (às vezes com muita frequência!) Viver negando os nossos erros ou ficar apegado no nosso Ego só nos faz infelizes e nos impede de aprender lições valiosas que nos ajudariam a crescer e a melhorar.

Ao aceitares os teus erros, serás capaz de perdoar-te a ti mesmo e, a recompensa é que as outras pessoas vão gostar mais de ti! De acordo com o “efeito Pratfall” do Dr. Eliot Aronson em Psicologia Social, cometer erros faz com que as pessoas competentes pareçam mais atraentes e mais humanas para os outros. (7) As pessoas felizes parecem saber intuitivamente disso, aceitam os erros como experiências de aprendizagem e não auto-criticam-se de forma severa.

    5) Mantenha Uma Atitude Optimista

As pessoas felizes tendem a reagir aos acontecimentos negativos de forma mais optimista do que as pessoas infelizes. O psicólogo positivo Dr. Martin Seligman define o optimismo como “reagir aos problemas com confiança e elevada capacidade pessoal”, especificamente, reconhecer que os acontecimentos negativos são temporários e limitados. (2) A investigação tem associado o optimismo com uma infinidade de resultados positivos, incluindo a longevidade, a recuperação de doenças, saúde física geral, melhoramento das capacidades para lidar com determinadas situações e a resolução de problemas em situações difíceis.

Em geral, o optimismo é um componente central que nos mantém felizes e saudáveis, por isso quando tiveres dúvida, olhe pelo lado positivo.

    6) Esteja Rodeado de Pessoas Solidarias

Embora esta vida às vezes dê a impressão de ser uma jornada individual, precisamos de outras pessoas ao nosso redor para nos sentirmos felizes. Na verdade, pesquisas recentes indicam que as relações sociais são os mais fortes prognosticadores de felicidade, muito mais forte do que o salário ou a riqueza (1) Por exemplo, de acordo com o estudo inovador de Robert Putnam, ter um bom amigo produz um aumento da felicidade igual a um salário triplicado, fazer parte de um clube social é equivalente a um salário a dobrar e, assim por diante.

A mensagem fundamental é que o apoio social é um grande indicador de felicidade e bem-estar. As pessoas com relacionamentos sociais positivos percebidos até vivem mais! 8 Portanto, seja social, esteja rodeado de pessoas que te fazem sentir bem e, livre-se daqueles que te fazem sentir mal.

    7) Aprenda a Dizer “Não”

Como diz de forma brilhante a psicóloga Dr. Thema Davis, “dizer sim a felicidade significa aprender a dizer não a coisas e pessoas que te stressam.” (9) As pessoas felizes sabem que devem dizer não a pessoas, ideias e comportamentos que não servem ao seu bem maior. Dizer sim a tudo e a todos pode fazer com que te sintas oprimido, aumenta o teu stress e, deixa-te menos tempo e recursos para cuidar de ti próprio! Isso aplica-se especialmente quando aceitas fazer coisas que não ressoam contigo, ou permites que sejas arrastado em situações que consideras desconfortáveis.

O stress que resulta do sentimento oprimido pode impedir severamente a felicidade e o bem-estar. Antes de se comprometer com alguma coisa ou alguém, pergunte a si mesmo, isso serve o meu bem maior? Se a resposta for não, então aprenda a dizer NÃO.

    8) Desconecte-se & Passe Mais Tempo na Natureza

Embora possa parecer natural depois de uma vida de condicionamento, os seres humanos não foram criados para passar o dia curvados sobre uma mesa com produtos electrónicos conectados nos olhos e ouvidos. Nós, devemos passar o tempo ao ar livre, longe da agitação da tecnologia, da radiação do telefone e do barulho dos televisores. As pessoas felizes entendem que é seu direito de nascença humano ter a disposição algum momento de silêncio para reflectir e encontrar serenidade. De acordo com a carta de Harvard Health de julho de 2010, o tempo transcorrido ao ar livre na natureza, tem sido associado a felicidade, porque a luz solar aumenta o humor das pessoas, assim como a vitamina D, um subproduto de passar algum tempo fora (10).

De acordo com investigadores da Universidade de Essex, se realmente desejas maximizar os benefícios do tempo passado ao ar livre, passe algum tempo na natureza – até mesmo cinco minutos de “exercício verde” podem no entanto melhorar o humor e a auto-estima (10). Melhor ainda, combine o seu tempo com a meditação, Yoga, ou outras artes de movimento terapêuticos. Existe uma infinidade de pesquisas que demonstram que tudo isso aumentará de forma exponencial o seu humor e bem-estar geral.

    9) Pratique o Perdão

Este pode ser um desafio para muitos de nós que fomos injustiçados e/ou que sofremos traumas perpetrados por outras pessoas em nossas vidas. Mas como diz o meu grande amigo e, curandeiro de som Jimmy Ohm, “o perdão não significa que estamos de acordo com o que aconteceu, significa apenas que você já não quer carregar a dor.” (11) Quando nos mantemos na raiva, ressentimento e medo em relação às pessoas, estes sentimentos estão na realidade a ocupar um espaço dentro de nós, impedindo de nos sentirmos verdadeiramente felizes e realizados.

O Dr. Fred Luskin do Projecto Perdão da Universidade de Stanford, descobriu que o perdão é um grande prognosticador de felicidade e bem-estar, ele explica ainda como o perdão é a experiência de tranquilidade no momento presente. (12) para saber mais sobre a sua pesquisa, visite o seu site, Forgive For Good.(13)

    10) Experimente Coisas Novas

As pessoas felizes não têm medo de ir além dos seus limites e experimentar coisas novas. A investigação do psicólogo Dr. Rico Walker mostrou que as pessoas que se envolvem numa variedade de experiências são mais propensas a manter as emoções positivas do que as pessoas que têm menos experiências (14). Claro que pode parecer assustador no início, mas qual é a pior coisa que poderia acontecer? Indo além da tua zona de conforto, na verdade podes surpreender-te e superar as tuas próprias expectativas sobre o que você pode realizar. E hei, se as coisas não correrem como planeado, pelo menos você ainda tentou, ou não?

Como o Dr. Alex Lickerman MD escreve em felicidade neste mundo, é preciso coragem para experimentar algo novo, isto dá-te a possibilidade de poder desfrutar de algo novo, evita que te aborreces e, talvez acima de tudo, obriga-te a crescer. (15) Então o que que sempre quiseste experimentar, mas nunca tiveste coragem? Do que estás á espera?

    11) Olhe Para o Espelho Todas as Manhãs e Diga “Eu Te Amo!”

Para muitos de nós, o amor-próprio é o maior desafio e bloqueio para a felicidade. Durante muitos anos, a família, professores e especialmente os meios de comunicação nos têm dito que não somos bons o suficiente, não bem sucedido o suficiente, não somos bastante atraentes, não somos capazes o suficiente e assim por diante, isso fez com que muitos se sentissem abatidos e indignos. A verdade é que não importa quem você é e o que aconteceu em sua vida, VOCÊ É DIGNO DE AMOR! Diga em voz alta para si mesmo até acreditares.

Os psicólogos descobriram há muito tempo que a auto-estima está intrinsecamente ligada a felicidade, mas como se constrói a auto-estima?  Acredito que construímos a auto-estima através da pratica do amor-próprio e da auto-aceitação. Uma das coisas mais simples que podes fazer é olhar para o espelho todas as manhãs e dizer: Eu te amo! para alguns, pode ser fácil e, para outras pessoas, pode ser extremamente difícil. Eu sei, porque no início eu tentei fazer isso varias vezes e eu desmanchava-me em lágrimas, porque me sentia muito indigno. Eventualmente, através da prática de mantras diários de amor-próprio e da auto-aceitação, eu fui capaz de aprender a me amar. E embora o caminho para o amor-próprio incondicional seja uma viagem de uma vida inteira e não um destino, hoje sinto-me mais feliz como nunca me senti antes. ☺ Espero que essas dicas sobre a felicidade possam guiar-te em sua jornada, tanto quanto me ajudaram na minha. Namaste.

Fonte:

http://themindunleashed.org/2014/07/11-ways-live-happier-life-according-psychologist-hint-nothing-money.html

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: