Posts recentes

Turco processa a própria mulher por  ‘ofender o Presidente Erdogan’

dor

 

Um turco apresentou queixa contra a própria esposa, por esta ter  insultado o Presidente do país, Recep Tayyip Erdogan e por desligar a TV durante os seus discursos, informou a imprensa local.

O camionista de 40 anos de idade, identificado apenas como Ali D. pelo jornal Yeni Safak, disse ter avisado a sua esposa em numerosas ocasiões contra as ofensas ao Presidente.

No entanto, aparentemente a mulher ignorou as suas palavras e continuou a insultar Erdogan durante as suas aparições na televisão, ou mudando de canal.

“Eu continuei a avisá-la, perguntando-lhe, por que fazes isso? O nosso presidente é uma boa pessoa e fez coisas boas para a Turquia”, disse Ali ao jornal.

A mulher teria provocado uma acção judicial contra si mesma, dizendo ao seu marido que este podia “gravar os insultos e apresentar queixa” caso ele não gostasse do seu comportamento.

Ali gravou  os “insultos” de sua mulher e anexou-os como prova no caso, enquanto apresentava a queixa ao Ministério Público na cidade de Izmir.

“Mesmo que fosse o meu pai, que ofendesse ou insultasse o presidente , eu não perdoaria e reclamaria”, disse o camionista Yeni Safak.

Por sua vez, a mulher de 38 anos, pediu o divórcio após três anos de casamento, informou o jornal.

Vários jornalistas, bloguistas, estudiosos e pessoas comuns na Turquia, têm enfrentado acusações e são condenados a penas de prisão por insultar Erdogan.

Em Janeiro, o presidente Turco apresentou um pedido de indemnização de 32 mil usd contra o líder da oposição, Kemal Kilicdaroglu, por lhe ter chamado de “ditador”.

breu-1-b32

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Recentemente, o ex-deputado Turco e ex-membro do partido AK de Erdogan, Feyzi Isbasaran , foi condenado a quase três anos de prisão por usar calão em tweets contra o chefe de Estado.

Em Dezembro do ano passado, um Tribunal Turco ordenou que peritos examinassem se Erdogan fosse parecido com o personagem do filme “O Senhor dos anéis” Gollum, depois de alguns memes onde os dois apareciam terem surgido na internet.

E no caso mais bizarro, dois meninos – com idades compreendidas entre os 12 e 13 – estão a enfrentar até quatro anos por atrás das grades por terem rasgado cartazes do líder Turco em Outubro de 2015.

Fonte:

https://www.rt.com/news/333299-turkey-husband-sues-wife-erdogan/?utm_source=browser&utm_medium=aplication_chrome&utm_campaign=chrome

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: