Posts recentes

Empresa Israelita Transplanta Com Êxito Ossos Cultivados Em Laboratório Para Seres Humanos

anatomy-human-skeleton-muscles-xray-bones-copiar

Dezenas de milhões de pessoas quebram os seus ossos todos os anos e, muitas dessas pessoas acabam com lesões crónicas que mudam as suas vidas.

  • Como seria se uma pessoa ferida pudesse simplesmente substituir um osso que, digamos, tinha sido esmagado e era em grande parte irreparável?

Bem, talvez estejamos no início dessa tecnologia, graças a uma empresa Israelita que desenvolveu uma maneira de crescer ossos no laboratório, que pode ser transplantado para um ser humano.

Segundo a Reuters, a empresa de biotecnologia, Bonus Biogroup, poderá em breve oferecer enxertos ósseos semi-líquidos, cultivados em laboratório após pesquisas e testes – incluindo injectar o material nas mandíbulas de 11 pessoas para reparar a perda óssea num estágio clínico inicial.

Os materiais foram cultivados em laboratório, usando células adiposas de cada paciente e, depois foram injectados nos espaços vazios dos ossos problemáticos e, enchendo-os. Ao longo dos próximos meses, a substância endureceu e depois fundiu-se com o osso existente para completar a mandíbula, disse a empresa.

O anúncio foi feito nos últimos dias sob a forma de uma declaração para a Bolsa de Valores de Tel Aviv. Além disso, a empresa de biotecnologia apresentará os seus resultados na Conferência Internacional sobre Cirurgia Oral e Maxilofacial na Espanha, informou a Reuters.

Bonus Biogroup disse que arrecadou 14 milhões de dólares em financiamentos, acrescentando que a empresa planeia lançar uma lista dupla na Nasdaq no início de 2017.

 ‘Em seguida vamos tentar com ossos longos’

“Pela primeira vez em todo o mundo, a reconstrução do tecido ósseo deficiente ou danificado é viável através do crescimento de enxerto ósseo humano viável num laboratório e transplantando-o de volta para o paciente, numa cirurgia minimamente invasiva através de injecção”, disse Shai Meretzki, CEO da empresa.

Meretzki fundada Pluristem Therapeutics no passado, uma empresa que trabalha com células  estaminais e transformou-se numa das mais avançadas empresas biomédicas de Israel.

Em entrevista à Reuters, Ora Burger, vice-presidente de assuntos de regulamento da Bonus Biogroup, disse que todas as 11 injecções de ensaios clínicos em pacientes foram bem-sucedidas.

“Agora vamos realizar um estudo clínico nas extremidades dos ossos longos”, disse ela.

Israel21c informou em 2013 que a instalação de 750 metros quadrados da empresa no Parque Matam High Tech de Haifa deverá ter três de divisões: Um centro de produção onde os enxertos de osso humano serão cultivados, de modo a fornecer à empresa materiais de ensaios clínicos; Um centro de pesquisa e desenvolvimento para expandir os usos para enxertos ósseos humanos para transplantes; E um quartel-general onde as actividades da R&D nos Estados Unidos serão monitoradas e supervisionadas.

Em 2015, à medida que os testes da empresa começaram e visto que os resultados positivos iniciais foram transmitidos, o Natural Height Growth relatou que antes do Bonus Biogroup, havia talvez uma dúzia de empresas similares que haviam trabalhado e foram bem sucedidos em realizar o transplante de tecido do osso funcional. Mas o que fez o esforço de Israel interessante é que o Bonus Biogroup estava a usar impressoras 3D para construir o material de base e, também planeava tentar construir tecidos de combinação de cartilagem-osso no futuro.

Será Que Esse Procedimento Poderia Restaurar a Normalidade Para ‘Pessoas Pequenas’?

“Esta é uma melhor solução para o corpo do que peças de plástico ou metal” para substituir a matéria óssea, disse Meretzki. As substâncias desenvolvidas no laboratório são “ossos vivos activos que podem crescer, remodelar e mudar a medida que o seu corpo muda”.

Isso significa que mesmo em crianças, quando os enxertos de osso são inseridos cirurgicamente, eles vão se ajustar e crescer assim como cresceriam os ossos normais.

Teoricamente, de qualquer forma, que parece ser a próxima fase de testes e pesquisas: Fazer com que o material ósseo injectado cresça em pernas e braços que foram danificados por trauma ou naturalmente atrofiado ao nascimento.

Há mesmo alguma conversa sobre o uso do material em homens e mulheres cujos corpos nunca cresceram normalmente, o que algumas pessoas costumavam chamar de “anão”, mas que agora são referidos simplesmente como “pessoas pequenas”. Se esse procedimento pode ser aperfeiçoado, não só pode reparar ossos danificados, mas também poderia restaurar essas pessoas pequenas em alturas mais típicas, dizem alguns especialistas.

Fonte:

http://naturalnews.com/2017-01-02-israeli-company-successfully-transplanted-lab-grown-bones-into-humans.html

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: