Posts recentes

Como Encontrar a Saída  da Matrix Simulada (Maya)

Tiger-Matrix (Copiar).jpg

A matrix em que vivemos é projectada para rasgar toda a esperança, poder e talento especial da nossa consciência. Se você percebeu, caso nos lembrássemos do nosso verdadeiro Eu, essa realidade desfavorável se dissiparia num piscar de olho. Estaríamos a viver numa outra linha de tempo, num Universo diferente, ou estaríamos aqui e agora, mas sob circunstâncias drasticamente diferentes. Se realmente vivemos numa simulação, como até pessoas como Elon Musk e Neil deGrasse Tyson atestam, então isso significa que podemos mudar o programa de computador, a nossa consciência e descobrir os nossos dons latentes para realmente derrubar o regime “governante”.

Elon Musk e Neil deGrasse Tyson não estão sozinhos. De fato, muitas das pessoas mais ricas e poderosas do mundo estão tão convencidas de que vivemos numa simulação do mundo real, que decidiram financiar cientistas para ajudar a “nos livrar dela”.

Quer você acredite ou não que vivemos numa realidade simulada, ou o que os antigos chamavam maya, Tyson afirma que há uma chance de 50-50 de que toda a nossa existência seja um programa no disco rígido de outra pessoa. Ele argumenta que a diferença entre o DNA do chimpanzé e o DNA humano é de apenas 2%, mas de alguma forma não somos chimpanzés. Ele afirma que é uma surpresa não sermos “idiotas que se babam”, e que “para mim é fácil imaginar que tudo nas nossas vidas seja apenas uma criação de alguma outra entidade para o seu entretenimento.”

A teoria de maya foi manipulada tão frequentemente quanto as teorias modernas da realidade universal. A palavra maya foi encontrada pela primeira vez no Vedanta, mais tarde novamente nos Upanishads e, depois usada mais uma vez pelos Budistas e Hindus. Alguns acreditam que maya significa magia ou ilusão, outros acreditam que significa uma ignorância da realidade, como se uma nuvem fosse formada sobre os nossos olhos, impedindo-nos de ver o Universo como ele realmente existe. Maya não é idealismo ou realismo, mas uma simples declaração de fato em sua forma mais antiga – que não somos o que vemos ao nosso redor.

Se seguíssemos o conselho de Tyson, poderíamos culpar convenientemente outra coisa pelo que criamos aqui neste mundo. Mas e se a capacidade de mudar esta simulação de computador está inteiramente nas nossas próprias mãos? E se pudermos mudar esse Universo holográfico para mostrar outra realidade? E se nós tivermos as chaves para fazer isso?

Os vedantistas não disseram que era impossível, apenas que a mente é limitada porque tem grande dificuldade de ver além do tempo, do espaço e da causalidade. Visto que ninguém pode sair de si mesmo, os limites que lhe foram impostos pelas leis do tempo e do espaço, são praticamente uma prisão – uma matrix – poderíamos dizer. Toda tentativa de resolver as leis da causalidade, do tempo e do espaço parece ser fútil, porque a própria tentativa teria que ser feita tomando como certo a existência desses três.

Mas eis aqui o que está a acontecer – as pessoas estão a começar a ver além do tempo, espaço e causalidade. Isso realmente tem acontecido por eons, mas as ferramentas que nos libertam da matrix são actualmente muitas vezes escondidas, ou usadas para manipulação em vez da promoção da liberdade.

Como screve Danny Hawley, PhD

“Sri Aurobindo fala de “uma mudança subtil que faz ver uma espécie de quarta dimensão”. Lama Govinda escreve:” Se falarmos da experiência espacial na meditação estamos a lidar com uma dimensão inteiramente diferente. A visão está ligada a um espaço de maior dimensão e, portanto, atemporal”. Ele explica ainda:” Uma experiência de maior dimensionalidade é alcançada pela integração de experiências de diferentes centros e níveis de consciência. Daí a indescritibilidade de certas experiências de meditação no plano da consciência tridimensional”.

Essencialmente, temos que ir além da consciência 3-D do tempo, espaço e da causalidade. Sahaj Ramachandran coloca desta forma,

“O conceito de hiperespaço é incrível! Até mesmo o fenómeno “sobrenatural” poderia ser explicado com a Física de Dimensão Superior. Por exemplo, Deus, se ele alguma vez existiu, faria isso na 4ª Dimensão. Mesmo os “Fantasmas”, se fossem reais, teriam a habilidade de andar pelas paredes apenas porque teriam acesso a uma dimensão mais elevada. Nós, seres humanos, vivemos na terceira dimensão. No entanto, há uma maneira de visualizar objectos em 4D.”

A consciência ordinária é tridimensional. Tudo o que realmente vemos é a superfície das coisas, como se estivéssemos a assistir um filme no cinema. Pensamos que estamos a ver todas as dimensões de algo na vida real, assim como quando assistimos um filme – só quando vemos o filme, sabemos que o que estamos a ver é apenas uma representação da realidade. É um ecrã plano com actores desempenhando as suas partes, mas parece tão real, até ao ponto de rirmos e chorar com eles.

Também criamos o ‘tempo’, que é realmente a 4ª dimensão da realidade. Não há passado, presente ou futuro, mas a nossa mente retarda as coisas para que possamos experimentar a Totalidade num ‘quadro’ de cada vez. O tempo, assim como o espaço e, a causalidade são limites da nossa consciência mundana.

De um espaço de maior dimensão (além da 4-D ou 5-D), não vemos o ecrã das nossas vidas da mesma maneira que fazemos enquanto vivemos numa realidade de baixa consciência. Todas as coisas se tornam claramente parte de uma realidade maior – uma Unicidade. Embora as “coisas” surjam em diversas formas e cores, todas elas trabalham para e de um campo unificado. Como pioneiros do espaço rasgando o “tempo” através de um buraco de minhoca, podemos sair da matrix num fenómeno totalmente novo.

Hawley continua,

“Do ponto de vista da consciência pura, todas as dimensões inferiores são reduzidas a uma, dobradas num único ponto. Para entender como o mundo das coisas separadas poderia dobrar num ponto, imagine novamente a analogia de que uma folha de papel tenha impresso personagens para representar os objectos do mundo. Com a ajuda de outra dimensão além do plano do papel, poderia ser amassado ou dobrado numa bola minúscula. Mesmo que ao longo da superfície do papel as personagens fossem separadas uma da outra, quando o papel é esmagado essas personagens aproximam-se. Analogamente, a Consciência Suprema envolve tudo o que existe dentro de Si. Bragdon cita dos livros sagrados de Hermes Trismegisto: “Compreender claramente”, diz Hermes a Asclepios, “que este mundo sensível está encoberto, como numa roupa, pelo mundo supernal.”

“Swami Satyananda diz que a consciência é bindu, ou seja, o ponto. Desde que tudo está envolto em Deus até um certo ponto, para alcançar a consciência mais elevada devemos penetrar no ponto. As mensagem dos Upanishads é “Que tu és”; O ponto de Atman é igual ao ponto de Brahman. Se pudermos encolher as nossas mentes dentro do ponto da nossa própria consciência, de repente todo o espaço-tempo se abrirá para a visão e, a nossa será a consciência de Deus “.

Musk e Tyson ainda estão ligados pela consciência 3-D, e assim eles não podem ver como podem tornar-se os arquitectos da sua própria realidade – libertar-se da matrix, ou ficar impregnado e engolido pela consciência de Deus, para que eles possam executar qualquer programa que desejarem.

Nós também estamos presos aqui, nesta matrix simulada até que possamos elevar a nossa consciência para ver que não somos apenas o programa, mas o computador, o programador e o actor no palco – tudo de uma vez. Quando elevamos a nossa consciência, podemos criar, à vontade, qualquer que seja a realidade que gostamos.

Fonte:

http://www.wakingtimes.com/2017/02/10/find-way-simulated-matrix-maya/

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: