Posts recentes

Como Mostrar Compaixão Pelos Animais Pode Melhorar o Bem-estar Pessoal

Sad-Dog-1 (Copiar)

A compaixão é o lado humano do sofrimento, que inspira os mais belos actos da humanidade. No mundo do homem, os animais costumam suportar o pior do nosso lado sombrio, sofrendo sob as tensões da crueldade e brutalidade, no entanto, ser compassivo com os animais pode realmente ser bom para a sua saúde e bem-estar, talvez até mesmo prolongar a sua vida.

Para muitos de nós, a compaixão parece ser uma parte inata e instintiva da experiência humana, algo que muitos de nós fazemos automaticamente e, décadas de pesquisas clínicas em psicologia sobre o problema do sofrimento humano, mostram como a nossa natureza mais evoluída é responder com compaixão. Uma série de estudos universitários compartilham a conclusão de que a compaixão é parte da nossa natureza superior, se considerarmos a base biológica da compaixão.

“Dacher Keltner resumiu os resultados emergentes desta nova ciência da bondade humana, propondo que a compaixão é “uma parte evoluída da natureza humana, enraizada no nosso cérebro e biologia “. [Fonte]

O bem-estar humano é multi-dimensional e os corolários entre a forma como nos comportamos e como esse comportamento por sua vez afecta o nosso bem-estar geral são mais compreendidos agora do que nunca. Quando agimos a partir da nossa natureza mais elevada, ela beneficia a nossa saúde, o que pode explicar a tendência de tantas pessoas viverem vidas altruístas ajudando os outros e protegendo os animais.

“Esse sofrimento, por mais desagradável que seja, muitas vezes também tem um lado positivo para o qual a pesquisa tem prestado menos atenção: a compaixão. O sofrimento humano é muitas vezes acompanhado por belos actos de compaixão por outros que desejam ajudar a aliviá-lo. O que levou 26,5% dos americanos a se voluntariar em 2012 (de acordo com estatísticas do Departamento de Trabalho dos EUA)? O que impulsiona alguém a servir comida num abrigo para pessoas sem-teto, parar na auto-estrada durante a chuva para ajudar alguém com um veículo avariado ou alimentar um gato perdido? “[Fonte]

Dando um passo adiante, observando a tendência das pessoas a estenderem a compaixão para além da raça humana, mostrando empatia para com o reino animal e o mundo natural, encontramos um número infinito de possibilidades para melhorar as nossas próprias vidas, direccionando a nossa energia para terminar a dor e sofrimento de muitos seres.

Foi demonstrado que ser compassivo nos tornar mais atraentes para o sexo oposto, em estudos comportamentais que olham para sociedades com tendências mais altruístas.

“Mais um sinal que sugere que a compaixão é uma característica adaptativamente evoluída, é que ela nos torna mais atraentes para potenciais companheiros. Um estudo que examina o traço mais valorizado em potenciais parceiros românticos sugere que tanto homens como mulheres concordam que a “bondade” é uma das características mais desejáveis “. [Fonte]

Além disso, engajar-se em actos de compaixão, quando feito pelas razões certas, pode aumentar a paz de espírito e a felicidade:

“O cultivo do bem-estar mostrou especificamente que é eudemónico, ao invés do bem-estar hedónico que está ligado a um senso de conexão com si mesmo e, os outros. O bem-estar eudemónico implica encontrar sentido e propósito na vida, viver de acordo com os seus valores e desenvolver um sentimento de saúde “espiritual” de longo prazo (não necessariamente religioso).

Por sua vez, o bem-estar eudemónico pode ser cultivado através de práticas conscientes como a mediação e o treino em compaixão.” [Fonte]

Considerações Finais

Não é algo que surpreenda a maioria das pessoas, visto que a expressão da nossa melhor natureza é boa e edificante para todos os envolvidos, mas o inverso disso também deve ser verdade, ou seja, que as pessoas que negligenciam a sua própria saúde teriam mais dificuldade em ser compassivos para os animais e, até mesmo a natureza em geral. Portanto, adicionando intencional bondade, compaixão e empatia como formas de conseguirmos uma melhor saúde e bem-estar faz todo sentido.

Fonte:

http://www.wakingtimes.com/2017/03/21/the-link-between-compassion-for-animals-and-good-health/

transferir Graciano Constantino oferece tratamentos de Cura Energética. O tratamento pode ser feito pessoalmente ou a distância, normalmente através do Skype ou se preferir basta simplesmente uma foto recente de modo a facilitar a conexão. Actualmente vivendo em Turim – Itália, Graciano dedica uma parte do seu tempo na arte da cura, trabalhando com plantas e também animais. Saiba mais sobre Graciano Aqui

Para saber mais sobre a técnica visite: Cura de Pura Energia

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: