Posts recentes

Supernova ‘Zombie’ Ergue-Se Dos Mortos Numa Surpreendente Descoberta

Zombie-star-supernova.jpg

Quando uma estrela chega ao fim da sua vida, ela explode numa explosão cataclísmica final que pode brilhar com a luz de 100 milhões de sóis por meses, antes de desaparecer na escuridão do espaço. Acreditava-se que este era o fim de todas as estrelas – até agora.

Uma equipe internacional de astrónomos que estuda as explosões de supernovas descobriu uma “estrela zombie” que repetidamente passou por esse ciclo de morte ao longo do último meio século. A estrela em questão, iPTF14hls, foi descoberta em 2014 e parecia uma estrela comum – se é que se pode considerar a explosão de uma estrela algo comum – supernova.

No entanto, após uma inspecção mais completa, a equipe percebeu que, em vez de desaparecer completamente na escuridão, uma vez que desapareceu, começou a brilhar novamente. Nunca ninguém havia testemunhado algo assim.

“Esta supernova anula tudo o que acreditávamos saber sobre como elas funcionam”, disse o autor principal Iair Arcavi. “É a maior que já encontrei em quase uma década de estudo sobre explosões estelares”.

Embora a estrela tenha sido descoberta há três anos, depois dos astrónomos perceberem o seu comportamento bizarro, eles consultaram dados arquivísticos e descobriram que uma explosão ocorreu no mesmo local – cerca de meio bilião de anos-luz da Terra – há 50 anos. De alguma forma, esta estrela sobreviveu a essa explosão, para explodir novamente em 2014. No estudo, publicado quinta-feira na revista Nature, a equipe estimou que iPTF14hls era pelo menos 50 vezes maior do que o nosso sol e, provavelmente muito maior.

Foram as explosões anteriores que forneceram aos cientistas uma pista para o comportamento aparentemente multi-mortal da estrela. Eles acreditam que poderia ser o primeiro exemplo de uma supernova de instabilidade pulsional de par, um fenómeno até agora teórico em que as estrelas com massa de pelo menos 100 milhões de sóis podem explodir várias vezes, libertando grandes quantidades de material no espaço antes de sucumbir finalmente à morte e formar um buraco negro.

No entanto, esta teoria não explica completamente o comportamento bizarro de iPTF14hls, porque a energia libertada por esta supernova vai além do que a teoria prevê:

“Essas explosões só deveriam ser vistas no universo primitivo e deveriam estar extintas hoje”, escreve o co-autor.

Andy Howell disse. “É como encontrar um dinossauro vivo hoje. Se encontrasses um,  questionarias se realmente era um dinossauro”, acrescentou.

Fonte:

https://www.rt.com/news/409369-zombie-star-discovery-supernova/

Graciano..jpg Graciano Constantino oferece tratamentos de Cura Energética. O tratamento pode ser feito pessoalmente ou a distância, normalmente através do Skype ou se preferir basta simplesmente uma foto recente de modo a facilitar a conexão. Actualmente vivendo em Turim – Itália, Graciano dedica uma parte do seu tempo na arte da cura, trabalhando com plantas e também animais. Saiba mais sobre Graciano Aqui

Para saber mais sobre a técnica visite: Cura de Pura Energia 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: