Posts recentes

Sabedoria experiencial – Paññā

buddha-bhavana-560x318.v2 (1)

O que é paññā? Paññā é conhecimento directo. É o excelente conhecimento que nos conduz à libertação. Paññā não é o conhecimento adquirido meramente lendo livros ou ouvindo discursos. É o conhecimento real que é adquirido através da nossa própria experiência. Ao praticar constantemente, muitas verdades desconhecidas começam a se manifestar.

Uma verdade que se manifesta é que as raízes de todos os sankhāras que conduzem aos mundos inferiores estão dormentes na mente inconsciente profunda. Isso fica claro para uma pessoa mais cedo ou mais tarde, dependendo do seu estoque de pāramis passados. Esses sankhāras nocivos que conduzem a estados de miséria permanecem adormecidos e fluem junto com o fluxo da vida. Portanto, eles são chamados de contaminações latentes (anusaya kilesa).

Mesmo se alguém erradicar esses sankhāras insalubres na superfície da mente por meio de qualquer técnica de meditação, ainda assim, a pessoa não alcança a libertação total dos mundos inferiores.

No entanto, quando um meditador mantém a prática da consciência objectiva em relação a todas as sensações corporais, ele desenvolve uma capacidade progressivamente mais forte de se libertar do desejo porque, por meio da sabedoria, ele experimenta a verdade de que toda sensação é impermanente e muda constantemente. Ele não gera desejo ou aversão a essas sensações. Assim, a sua consciência e equanimidade se tornam cada vez mais fortes.

Então os sankhāras adormecidos profundamente enraizados na profundidade da mente inconsciente começam a surgir na superfície um após o outro e, quando o meditador permanece equânime em relação a estes, os mesmos começam a ser arrancados e erradicados e começam a diminuir. Assim, o meditador começa a se libertar dos mundos inferiores.

Quando todas as impurezas adormecidas (que conduzem aos reinos inferiores) vierem à tona e forem erradicadas, obtém-se a libertação total dos mundos inferiores.

Uppajjitvā nirujjhanti, tesam vūpasamo sukho – Quando os sankhāras surgem e são erradicados, a pessoa experimenta a felicidade da sua cessação.

Ao praticar Vipassana, um meditador obtém completa libertação dos sankhāras dos mundos inferiores. Quando se continua a observar essas sensações impermanentes, experimenta-se pela primeira vez o estado de nibbāna, que é constante, eterno, estável e além do campo do surgimento e do desaparecimento. Este é o primeiro estágio da libertação total do ciclo de existência. Isso é conhecido como o estágio de um que entra no rio (sotāpatti). Tal meditador entrou na corrente da libertação total do ciclo de existência. Agora ninguém pode impedi-lo de se libertar totalmente. Ele renascerá nos mundos superiores por no máximo sete vidas e erradicará todo o seu estoque de sankhāras produtores de renascimento.

Visankhara gatam cittam tanhānam khayamajjhagā – A mente fica livre de todos os sankhāras e é totalmente purificada.

Quando tanhā é erradicado, o meditador não gera novos sankhāras. Ele alcança o estágio onde: Khīnam purānam navam natthi sambhavam.

Todos os antigos sankhāras foram erradicados; novos sankhāras não podem ser gerados. Tal pessoa é conhecida como arahant; aquele que está totalmente livre do renascimento.

Ele declara a seguinte verdade:

Ayam antimā jāti— Este é o meu último nascimento.

Natthidāni punabbhavoti—Agora não haverá mais renascimento.

– (Dīghanikāyo 1.31, Bodhisattadhammatā)

Assim, ele se torna totalmente livre do nascimento e da morte no ciclo de existência.

Um meditador deve se esforçar diligentemente para atingir todos esses estágios.

A libertação não pode ser concedida por qualquer deus, deusa, Brahmā ou Deus Todo-Poderoso.

Um verdadeiro professor espiritual dirá apenas: Eu sou um doador de caminho, não um doador de libertação.

Como disse o Buda –

Tumhehi kiccam ātappam, akkhātāro tathāgatā – Você tem que lutar pela sua libertação; os Budas apenas mostram o caminho.

Aquele que anda neste caminho não pode cair nas garras de qualquer guru de fé cega. Ele entende:

Attā hi attano nātho – Eu sou o meu próprio mestre.

Attā hi attano gati – cada um cria o próprio destino.

Enquanto ele continua a praticar Vipassana, certas verdades sobre si mesmo tornam-se claras para um meditador sério.

Primeiro, torna-se claro para ele que, embora acreditasse anteriormente que estava ligado a intoxicantes, jogos de azar ou má conduta sexual, a verdade é que o apego não esta nessas coisas, mas para as sensações que elas produzem. Agora, com essa meditação, ele observa objectivamente as sensações surgidas associadas a esses vícios e se livra delas. Assim, ele está livre de gerar tais sankhāras contaminados novamente.

Outra verdade também se torna muito clara;

– Pubbe hañati attānam, pacchā hanati so pare.

(Theragāthāpāḷi 139, Vasabhattheragāthā)

Um meditador sério, prisioneiro ou não, observa que sempre que ele gera um pensamento de vingança na sua mente, o seu corpo imediatamente começa a queimar. O seu batimento cardíaco aumenta e ele fica tenso e infeliz. Ele começa a entender claramente que, antes que ele possa destruir a paz e a harmonia de outra pessoa, ele destrói a sua própria paz e harmonia e se torna miserável.

Quando um meditador experimenta essas verdades, a sua natureza começa a mudar. No lugar do ódio e animosidade, ele gera amor e benevolência. A sua mente está impregnada de bondade amorosa e compaixão. A sua vida está cheia de paz e felicidade. A sua vida se torna frutífera. Tal é a técnica de Vipassana, que é baseada na verdade experiencial e é benéfica em todos os sentidos. Este é o legado inestimável que Buda deu ao mundo sofredor.

Bhavatu sabba mangalam – Que todos os seres sejam felizes.

– Por Mr. S. N. Goenka

Fonte: 

https://www.vridhamma.org/discourses/Experiential-Wisdom-Pa%C3%B1%C3%B1%C4%81

Leitura Psíquica Com Graciano Constantino

Para mais informações e marcações clique AQUI

c700x420.v1

Graciano..jpg Graciano Constantino oferece tratamentos de Cura Energética. O tratamento pode ser feito pessoalmente ou a distância, normalmente através do Skype ou se preferir basta simplesmente uma foto recente de modo a facilitar a conexão. Actualmente vivendo em Turim – Itália, Graciano dedica uma parte do seu tempo na arte da cura, trabalhando com plantas e também animais. Saiba mais sobre Graciano Aqui

Para saber mais sobre a técnica visite: Cura de Pura Energia

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: