Posts recentes

A Máscara Como Um Símbolo De Subjugação

coronavirus-4994442_1280-1024x582-1594850592386

É difícil imaginar um ataque mais cruel à família humana do que a prevenção insidiosa do contacto de pessoa para pessoa. O que equivale a prisão domiciliar, além do uso forçado de máscaras, além da ordem de manter um distanciamento do corpo alheio, tem o objectivo declarado de impedir o contágio, mas, como o filósofo Giogio Agamben disse recentemente: “É um contágio político e, não há dúvidas sobre isso”. Ele está correcto. O contágio que deve ser verificado não é viral, mas político. A tríade de mandatos oficiais dificulta a comunicação que não pode ser monitorada. Se online, o discurso político e a estratégia não autorizados podem ser registados para o dossier do indivíduo, na rua não é assim, pelo menos ainda não.

Em 1933, Hitler suspendeu a Constituição de Weimar após o incêndio no Reichstag. Os direitos dos cidadãos sob essa Constituição foram abolidos e nunca foram restabelecidos. Um drama semelhante continua a acontecer nos Estados Unidos desde o ataque de 11 de Setembro, que resultou no Ato Patriota (de título irónico) que derruba a Constituição dos EUA, resultando em rédea livre para as organizações de inteligência do país em conjunto com as gigantes das redes sociais. A Primeira Emenda está a ser negada de acordo com a definição de alguém de “discurso de ódio” ou “padrões da comunidade”, com sites inteiros de informações e opiniões a serem “deplataformados”. A Quarta Emenda é uma mentira oca em que todos os atos de cada cidadão são registados para o dia planeado em que todas as atividades são gravadas digitalmente e ai daquelas almas criativas que ofendem as regras.

A quarentena nunca foi realmente sobre uma pandemia. Covid19 era apenas o pretexto. O próprio Bill Gates admitiu (num momento desprotegido?) Que SARS e MERS anteriores eram mais “fatais”, isto é, mais letais do que o Covid19, mas eles iam e vinham sem prejudicar a economia. Mas mais do que apenas a economia, era a existência cotidiana, como todos vivemos, que era o principal objetivo da quarentena. Terminar a quarentena amanhã não contraria os danos já causados. Fomos psicologicamente atacados e não há fim à vista. Avisos de “picos” e de ondas futuras acontecem diariamente. Sim, perdem-se inúmeros empregos e empresas, mas é inevitável o impacto psicológico devastador que permeia a sociedade. O dano emocional e espiritual não será curado tão cedo. Como pretendido, estamos desorientados e permaneceremos por décadas à medida que os “internacionalistas conspiradores”, assim chamados por David Rockefeller, nos preparam para uma vida de acordo com o seu design globalista.

As máscaras de pano vistas em todos os lugares agora são simbólicas, por mais úteis que sejam para impedir gotículas no ar, elas não impedem a passagem de vírus, esclarecida pelo aviso numa caixa do tipo de máscara comumente vista. O especialista favorito da imprensa, Anthony Fauci, declarou na CBS 60 Minutes em Março que “não há razão para andar com uma máscara”. Dois meses depois, à medida que as demandas de confinamento intensificaram-se, a sua posição mudou para a máscara como “um símbolo para as pessoas verem”. Artigos de revisão indicando que as máscaras são ineficazes ou mesmo contraproducentes, raramente chegam aos telespectadores ou simplesmente desaparecem. Mas a máscara é certamente um símbolo – um símbolo de subjugação.

Viver plenamente e de graça traz um nível normal de risco. Além dos germes e parasitas variados que fazem parte da natureza, existem relâmpagos, colisões de automóveis, queda de escadas e vitimização por criminosos – principalmente elementos dentro das nossas estruturas de governo. Estamos a ser enganados por uma campanha terrorista fabricada por um bloco de poder que considera a maior parte da sociedade comum um rebanho a ser manipulado. Muitos que entendem isso, mas que, no entanto, usam uma máscara simplesmente para se conformar com o que assumem ser um acordo maioritário, estão a fazer parte do golpe.

Tire a maldita máscara!

Respire livre!

Fonte:

https://www.nexusnewsfeed.com/article/human-rights/the-mask-as-a-symbol-of-subjugation/

Leitura Psíquica Com Graciano Constantino

Para mais informações e marcações clique AQUI

c700x420.v1

Graciano..jpg Graciano Constantino oferece tratamentos de Cura Energética. O tratamento pode ser feito pessoalmente ou a distância, normalmente através do Skype ou se preferir basta simplesmente uma foto recente de modo a facilitar a conexão. Actualmente vivendo em Turim – Itália, Graciano dedica uma parte do seu tempo na arte da cura, trabalhando com plantas e também animais. Saiba mais sobre Graciano Aqui

Para saber mais sobre a técnica visite: Cura de Pura Energia

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: