Posts recentes

2 Pessoas Morrem Na Índia Após Receberem A Vacina Da Covid

Duas pessoas morreram após receberem injeções do Covid-19 na Índia, mas o governo insiste que o problema não está nas vacinas. Enquanto isso, um fabricante de medicamentos aconselhou alguns grupos a abandonar a vacina.

No domingo, um funcionário de um hospital de 52 anos em Moradabad, Uttar Pradesh, morreu um dia após receber a injeção. O filho do homem disse à imprensa local que acreditava que o seu pai morrera de efeitos colaterais da vacina. Ele disse que o seu pai teve “um pouco de pneumonia, tosse e resfriado” antes de apanhar a injeção, mas “começou a sentir-se pior” após a injeção. Mais tarde, o homem queixou-se de congestão e dores no peito e foi levado às pressas para o hospital, onde foi declarado morto.

No entanto, funcionários do governo afirmam que o indivíduo sucumbiu a uma parada cardíaca, enfatizando que a fatalidade “não estava relacionada à vacinação contra o Covid-19”. Uma autópsia revelou que a vítima sofria de coágulos sanguíneos e tinha bolsas de pus nos pulmões.

O paciente recebeu a vacina de Covishield e foi mantido numa sala de observação durante 30 minutos após a injeção, onde não relatou quaisquer efeitos colaterais, afirmam as autoridades de saúde.

Uma segunda morte foi relatada em Bellary em Karnataka. O homem de 43 anos foi vacinado no sábado e morreu na segunda-feira. O governo diz que o homem sofria de insuficiência cardiopulmonar. Não está claro qual foi o medicamento que lhe foi administrado. A Índia concedeu aprovação de emergência para duas variantes da vacina Covid-19 no início deste mês: o Covaxin da Bharat Biotech e o Covishield, uma vacina baseada na fórmula AstraZeneca / Oxford e fabricado pelo Serum Institute of India.

Os dois indivíduos estavam entre os sete casos relatados envolvendo reações adversas graves ao medicamento após o início de uma campanha nacional de imunização no sábado, de acordo com o India Today.

Na segunda-feira, a Bharat Biotech divulgou um boletim informativo que desaconselha a vacina se uma pessoa sofresse de “alguma alergia” ou estivesse imunocomprometida.

O documento também dizia que as pessoas com febre ou distúrbios hemorrágicos não deveriam receber a vacina.

A Índia espera vacinar 300 milhões de pessoas até Agosto, começando com 30 milhões de médicos, enfermeiras e outros trabalhadores da linha de frente. Nova Déli saudou a campanha de imunização, considerada a maior do mundo, como um triunfo da saúde pública, mas alguns legisladores e vigilantes acusaram o governo de apressar a aprovação das duas vacinas. Covaxin, a vacina indígena da Índia, ainda não tinha concluído os testes de fase três e também tinha problemas de transparência em torno de Covishield.

Fonte:

https://www.rt.com/news/512914-india-deaths-covid-vaccine/

Leitura Psíquica Com Graciano Constantino

Para mais informações e marcações clique AQUI

c700x420.v1

Graciano..jpg Graciano Constantino oferece tratamentos de Cura Energética. O tratamento pode ser feito pessoalmente ou a distância, normalmente através do Skype ou se preferir basta simplesmente uma foto recente de modo a facilitar a conexão. Atualmente vivendo em Turim – Itália, Graciano dedica uma parte do seu tempo na arte da cura, trabalhando com plantas e também animais. Saiba mais sobre Graciano Aqui

Para saber mais sobre a técnica visite: Cura de Pura Energia

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: